fbpx

O Google Ads pode ser um programa muito difícil de se entender e de conseguir se otimizar. Ele gira em torno de comprar cliques em palavras chaves em tempo real e, se você não tem um profissional da área te ajudando, pode ser uma tarefa complicada e cansativa. E é mais difícil ainda para as pessoas que estão entrando agora no mundo do Google Adwords por causa de todas as informações que elas viram por aí (verdadeiras ou não). Não surpreende que o Google Ads tenha uma taxa de erros tão grande!

Existem muitos motivos pelos quais as pessoas desistem dos Ads do Google. Muitos dizem que não está funcionando para seus negócios, mas isso provavelmente nem é verdade. Eu arrisco dizer que muito provavelmente seus concorrentes estão usando Google Ads neste momento, o que significa que deve estar funcionando para eles de alguma forma, afinal de contas, eles continuam investindo. Então talvez o problema não seja o fato de não funcionar para seu negócio, e sim o fato de provavelmente você não estar usando corretamente.

Aqui vão alguns dos principais motivos pelos quais as pessoas desistem dos ads do Google dizendo que “não funciona para mim“.

Foco em palavras-chave pouco específicas e altamente competitivas

Como assim? O que é que isso quer dizer?
Imagine que você tenha uma fábrica de sapatos masculinos de alto padrão, e que seus clientes sejam revendedoras de calçados em geral. Faz sentido que você queira concorrer pela palavra “sapatos”, certo?

O problema é que “sapatos” não reflete inteiramente a intenção do seu comprador, que pode estar querendo saber onde encontrar “sapatos masculinos de alto padrão”, e além disso, “sapato” é uma palavra disputada por outros fabricantes, blogs, sites especializados, entre outras coisas.

As pessoas compram palavras de “alto risco e alto custo” ou palavras de “baixa probabilidade de conversão”, como por exemplo “sapatos”.

Ao invés disto, elas poderiam focar em palavras de “baixo risco e baixo custo” e “alta probabilidade de conversão”. Estas palabras são mais focadas em frases descritivas. É o que chamamos de “frase-chave”, por exemplo “sapatos de couro masculinos para festas”.

Por serem mais descritivas e mais precisas, você tem menos competição e uma chance melhor de converter a sua audiência. Ao invés de comprar “sapatos” e torcer para tudo dar certo, tire um tempo e construa uma campanha mais precisa e mais específica. Foco em frases descritivas!

Falta de estratégia nos Ads do Google

Outro grande problema, comum em agências, é que os marketeiros simplesmente pulam de cabeça nos ads do Google e começam a comprar palavras-chave a rodo, e quando as coisas não funcionam eles não sabem explicar por quê. Antes de você se aventurar no Google Ads, você precisa fazer uma pesquisa e pensar bem nas suas campanhas. Gaste um tempo pra conhecer o seu buscador (a pessoa que está buscando), o que eles estão buscando, e como você pode resolver o problema deles com um Ad e uma Landing Page.

Antes de executar qualquer coisa no Adwords, elabore um plano das categorias/produtos/serviços que você quer focar, as palavras-chave que você quer comprar, e como você vai converter ou entregar valor para estes buscadores quando eles buscarem.

Sempre pense em como entender a intenção do buscador. Se eles procuram por “Meias masculinas baratas”, você tem que ter algumas meias masculinas baratas na sua landing page, e é bom que elas sejam as melhores meias masculinas e baratas do mercado! Ou se você já está rodando um Ad no Google, fazer uma auditoria da sua campanha é uma boa ideia.

Objetivos irreais e inatingíveis

É possível que haja uma discrepância entre os seus objetivos (ROI) e o que realmente dá para alcançar no momento. O Adwords é uma ferramenta incrível porque você pode mensurar todas as suas vendas/leads pelo Google Analytics. Porém estas métricas podem te dar uma percepção errada do que é possível fazer.

Publicidade comum como outdoors, impressos, rádio e jornais são bem menos mensuráveis. É difícil saber ao certo de onde vieram os seus compradores usando estes meios e, como já dizia Henry Ford: “Metade do meu investimento em publicidade não funciona, eu só não sei qual metade.”

As pessoas podem ter a ideia errada sobre o retorno do Adwords. Por exemplo, suponha que você vende equipamentos para Baseball online. Um bom jeito de conseguir clientes é usando os Ads do Google – comprando palabras como “equipamento para baseball” e outras relacionadas. Porém, você quer ter um retorno de 4 para 1 no seu investimento, e o Adwords só produz 2 para 1. Isto significa que você deve abandonar os Ads do Google?

Resposta: TALVEZ. Para conseguir calcular o seu retorno de forma eficiente, você precisa olhar para toda a jornada do consumidor. Geralmente, Adwords é considerado algo como “topo de funil”, ou seja, quando o consumidor DESCOBRE que você existe. E estratégias de topo de funil tem baixo retorno, mas são umas das maneiras de conseguir clientes mais fáceis e de melhor custo-benefício.

Clique aqui e descubra o que é verdade e o que não é sobre Marketing Digital

Descubra os Mitos do Marketing Digital
Baixe gratuitamente clicando aqui

Landing Page não converte

Se você está jogando as pessoas que clicam nos seus Ads para uma página qualquer, sem nenhum mecanismo de conversão, então não surpreende que você não esteja tendo resultados. O seu objetivo ao trazer alguém para seu site deve sempre ser a conversão.

Mas cuidado com o que vai fazer: se você colocar muita informação, pop-ups, e propagandas na tela, você vai acabar espantando seu cliente e aumentando a sua taxa de rejeição (quando o visitante entra no seu site por uma página e sai sem navegar mais).

Um bom exercício é criticar a sua página em comparação com a do seu concorrente – e ser honesto consigo mesmo:

  • A minha página explica claramente o que estou oferecendo nos três primeiros segundos?
  • O que eu estou oferecendo vai de encontro com o que as pessoas buscaram?
  • Eu tenho alguma forma de rapidamente converter o meu visitante em um lead ou cliente?

Se você segue estes passos, então você está no caminho certo!

Preços/Outros Fatores

Olha, amigo, de nada adianta ter uma baita estratégia de Ads, ter uma Landing Page excelente, mas vender um par de meias a R$300,00. Pior ainda, imagina se quando o seu cliente cai no seu e-commerce e vê, por exemplo, que o seu garoto-propaganda é o Hitler! Aí não adianta reclamar que os Ads do Google não funcionam, certo?

Saiba como obter uma vantagem competitiva clicando aqui.

Considere fatores externos. O seu concorrente pode sacar a sua estratégia depois de um tempo e se adequar melhor, ou ele pode conseguir oferecer promoções muito mais atraentes, etc.. O segredo é estar sempre de olho e não esquecer que mais do que números, leads, e tráfego, você está lidando com pessoas. E as pessoas são o que mais importa quando falamos em publicidade.

Nenhuma otimização de contas

Este pode ser um grande problema, e acontece porque a maioria dos marketeiros não sabe que dá pra fazer isso. Existem milhares de técnicas, estratégias e gimmicks que você pode fazer para economizar dinheiro e deixar sua campanha mais eficiente.

Por exemplo, se você tem um e-commerce, e não está otimizando seus produtos para o Google Shopping (títulos e descrição), então você está bem atrás!

Mantenha-se atento às novidades da indústria. Não tem tempo para fazer isso? Encontre um profissional para ajudar a gerenciar suas campanhas!

Não fazer remarketing

A média de conversão de uma campanha em Google Adwords é de 0.05% a 5%. O que significa que você vai desperdiçar um monte de cliques. Fazer um remarketing pode aumentar a sua taxa de conversão significativamente.

Se você é um e-commerce, você tem o poder de usar o remarketing de forma dinâmica, o que te permite anunciar diretamente os produtos específicos que um visitante visualizou, aumentando suas chances de conversão.

Por exemplo, se alguém pesquisou por um produto X no Google Shopping, visitou a sua página mas decidiou não comprar, você perdeu o clique? Com um remarketing dinâmico, você pode aumentar as suas chances de convertê-lo.

Adwords não é impossível e sempre vai ser uma boa forma de conseguir clientes. Com a estratégia certa, qualquer um pode ter sucesso nos Ads do Google. Só leva um tempinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu